Artemis by Sunday Riley | Review

Artemis Hydroactive Cellular Face Oil by Sunday Riley, foi daquelas compras que mais ponderei, hesitei e no fim, teve de ser. 


Depois de um mês de uso, sou capaz de vos dar uma ideia do que este óleo tem feito pela minha pele. Lembro de abrir a caixa e fazer cara de quem acabou de cheirar um pum fedorento, devido ao cheiro forte e intenso deste óleo, mas só para constatar, abri as caixas todas ( masoquista!). Isto continuou a acontecer nos primeiros três dias seguidos, pois queria mesmo tirar da minha cabeça que este óleo era terrível e nestes mesmos três dias li várias reviews sobre ele e assisti a vídeos onde ouvia outras consumidoras como eu a falar dele e dizer que afinal, o seu cheiro era adorável.

Ohhh!! My God! Ou eu tinha problemas de olfato ou não estava a ver a beleza e benefícios por detrás daquele cheiro de cominho intenso, quando todos só sentiam o cheiro de limão, um dos componentes deste produto. Teimosa que só eu sei ser, estudei os ingredientes, e percebi que afinal o cheiro que mais detestava era do componente que melhor faz a pele - Damn!
O óleo de sementes de cominho é um potente anti-inflamatório e sendo este óleo um descongestionante, anti-inflamatório, melhorador dos problemas de pele (acne, cicatrizes) e clareador da tonalidade (manchas), além de outros benefícios não listados na embalagem.


Este óleo é perfeito para aqueles momentos "hormonais" onde a pele ressente-se e fica com personalidade própria. Digo isso porque, às vezes, passamos ali uns dias à volta da pele lutando para lhe devolver o equilíbrio e por mais que possamos oferecer-lhe o melhor, parece que esta não se consegue entender com os cremes. É aqui que entra o Artemis para devolver a forma e o equilíbrio à pele.



Verdade seja dita, depois de usar e tentar abstrair-me do seu cheiro de cominho acabado de moer, eu agora só sinto o cheiro a limão (olha o meu cérebro a enganar-me, este maroto!) e fora o seu cheiro, este óleo é denso como um gel, e espalha lindamente na pele, conferindo ao fim dos quatro dias seguidos de uso noturno uma pele muito mais clara, sem acne (hormonal), aparentemente mais firme e descansada. O tal equilíbrio é devolvido e a pele "cansada" de tentar compensar os défices já não precisa ocupar-se disso, pode simplesmente proteger o corpo e executar as suas funções normais, graças ao Lemon Iron Bark e Lemon Myrtle, os tais que conferem o adorável cheirinho a limão.

Nunca tinha pensado na luta que a nossa pele trava depois dos trinta, devido aos constantes desequilíbrios hormonais do mês, do stress, da alimentação, do ambiente, com a rotina e muitos outros fatores. É nesses casos que precisamos de algo refinado e específico para nos ajudar, não é frescura, não é luxo, é uma realidade e quanto mais o tempo passa mais me convenço disso porque vou vendo os resultados.

Daqueles inconvenientes que podem incomodar a maioria dos consumidores, e com este produto isto pode vir a acontecer, como eu disse no início, o seu cheiro é muito intenso e pode incomodar os narizes mais sensíveis. Ultrapassada a questão, os cheiros fortes podem atrapalhar a produção de colagénio e consequentemente, a regeneração da pele, por isso muitos especialistas dão preferência aos cosméticos sem cheiro. 
Porém, se não sente a sua pele com problemas desta natureza e prefere cosméticos com cheiro, este vai oferecer-te isso. Outra questão importante, sendo este um óleo, e não tendo o seu uso desaconselhado durante o dia, ou seja, pode usá-lo de dia e de noite, tenho que salientar que a sua pele pode manchar com o uso diurno, portanto, é melhor reservar o uso dos óleos para a noite e acompanhar-se durante o dia de um bom protetor solar, a título de prevenção. Além das questões hormonais, este óleo devolve o equilíbrio perfeito da pele, mesmo depois de uma noitada regada a drinks e poucas horas de sono, graças ao Milk Thistle presente na sua composição.

Independente dos prós e contras deste produto, devo admitir que em pouco tempo apanhei-me a cheirá-lo e a gostar do seu cheiro, principalmente por ver uma pele mais bonita no espelho depois de verificar o surgimento de borbulhas na noite passada que acabaram por desaparecer, como se o descanso fosse só aquilo de que precisava para curar aquele pequeno stress em forma de borbulha. Fora isso, este é um óleo indicado para pele oleosa com tendência a acne, considerada problemática (eczema, atópica), e sensível, logo consegue-se perceber as especificidades deste produto e o quanto ele resolve os tais desequilíbrios de que falei acima, independente das causas, uma vez que acalma e trata a pele.

O maior contra deste produto, na minha sincera opinião, é o seu preço elevado, quando estamos carecas de saber que os óleos não são componentes que justifiquem preços elevados, mas sendo eu uma curiosa não estou arrependida enquanto estiver a ver resultados. E posso dizer que sou capaz de voltar a comprar sim!  Pois, usando três gotinhas de cada vez, nem tão cedo terei que investir em outro frasco e conto sempre com a experiência do uso a meu favor para vos dizer o que descrevi acima, mas acredito que este tipo de produto só deve ser considerado se sofre com problemas como aqueles citados acima e para acne tardio, nunca se andar na casa dos vinte ou se o budget for limitado para cuidados de pele, pois há sempre alternativas mais económicas do que esta. Além do mais, este é dos óleos mais "económicos" da Sunday Riley (se é que se pode chamar o preço dele - económico) e que para mim, parece ser de longe o mais fantástico e eficiente. Adoro!


1 comentário:

Marta Ferreira disse...

Acho que não conseguiria usar esse óleo, sempre detestei o cheiro a cominhos :P
Obrigada pela opinião sincera, este tipo de produtos é tão caro que parece que nunca estamos completamente esclarecidas para decidir se compramos ou não...

Design, coding and theme by Ana Garcês.
BE.YOU.TIFUL © 2008-2015