Think Pink!



Normalmente não sou uma "pink girl" mas, este mês estou a esforçar-me para aceitar este meu lado em busca de algo maior e que deve ser abordado com seriedade, que é a luta contra o câncer de mama.


Quisera eu ter muito para dizer a respeito, mas isso é sempre muito delicado. Tenho duas amigas que lutaram e lutam contra este mal, fico sabendo aqui e ali que alguém próximo anda a passar por isso, então acabo por cair na real de que isso também pode acontecer comigo.



Independente dos problemas que possam levar uma pessoa a passar por algo do gênero, quero apenas alertar que além de um problema seríssimo de saúde, este é um mal que começa na nossa mente e na nossa alma. É verdade que as questões físicas são fundamentais, mas o que tenho visto são pessoas e mais pessoas a não ter tempo de sorrir, a não ter tempo para a família, a não ter tempo para si e muito menos para os outros. E quando o faz é com a lamúria de quem só o faz por obrigação, com todos os motivos do mundo e a maior má vontade que se pode ver em alguém. É triste mas, é verdade.



Com isso concluo que todo ser humano necessita de amor e é este amor que salva o homem e não o dinheiro, o poder e outras coisas que possamos pensar que precisamos mais do que isto. 

Não quero entrar pelo lado dos argumentos porque aí iria gerar um conflito de ideias, mas quero que percebam que todo ser humano adapta-se com menos dinheiro, com menos comida, com menos roupa, com menos tudo e até consegue dar a volta às situações mais absurdas, mas é preciso ter um suporte emocional firme vindo dos amigos, dos familiares, do namorado ou até de pessoas estranhas que acabam por ser afetuosas conosco, todo esse aparato inunda a nossa alma de bem-estar e alegria capaz de curar qualquer mal. Só dando amor é conseguimos ser amados e muitas vezes nos é retribuído em dobro e o que é melhor, é inesgotável e está sempre a crescer dentro de nós, como se tomássemos uma dimensão muito maior do que aquela o nosso corpo tem, porque a nossa alma evolui e a nossa mente também, e para elas não há limites.



Então, em comemoração a este lindo mês de conscientização e luta, a nossa página do facebook está a promover um sorteio flash para chegarmos aos 400 likes, com o prémio de um batom da Wet n Wild na cor Think Pink em homenagem à toda essa busca pela cura e erradicação deste mal de amor que é o Câncer de Mama.

Hoje quis que esta review fosse um pouco diferente, a enfatizar um propósito ao invés de um produto, que indiscutivelmente é bom, parece ter um acabamento mate quando olhamos para ele, mas ao aplicar nos lábios desliza com suavidade é incrivelmente hidratante. E mesmo não sendo uma "pink girl" este produto fez-me pensar rosa por alguns instantes devido a sua cor delicada que a partida parece meio apagada, mas que por fim revela-nos uma tonalidade cor de pêssego muito bonita que fica bem em mim, que sou morena e nas mais branquinhas também. 
Se quiserem adquirir algum produto da Wet n Wild, deixo-vos aqui alguns links onde podem adquirir tais produtos desta e de outras marcas igualmente boas.

Glamour Makeup - Falar com a Anabela - Página do Facebook
Neon Cosmetics  - Falar com a Elisabete - Loja Online

Com carinho,

Clênia Daniel.

2 comentários:

Sara Cabido disse...

Nossa que tom bonito, esse baton! E que gesto igualmente bonito, esse da solidariedade e do movimento «think pink». É um assunto que me é muito sensível, um tema muito delicado para mim. Agradeço do fundo do coração as tuas palavras no meu blog. Enchem-me de orgulho e motivam-me a querer fazer mais e melhor. Fiquei realmente agradecida pelo teu comentário! Obrigada*

Um beijinho, Sara ♥
http://littletinypiecesofme.blogspot.pt/

Clênia Daniel disse...

Eu que agradeço minha querida esse cuidado, carinho e apreço que tens pelo meu blog e por mim. Por causa desse contato é normal afeiçoar-me a ti como se já te conhecesse há muito. E gosto de pensar que assim é porque me identifico muito com as coisas que fazes também.
Beijos linda.

Design, coding and theme by Ana Garcês.
BE.YOU.TIFUL © 2008-2015